29/11/2011

RUÍNAS > Acolhimento de Espectáculos

As Leis Fundamentais da Estupidez Humana

7 Dezembro_21h30_Cine-Teatro Curvo Semedo

Porque razão um estúpido é mais perigoso que um bandido?...
A nossa vida é pontuada por acontecimentos em que incorremos em perdas de dinheiro, tempo, energia, apetite, tranquilidade e bom humor por causa das improváveis acções de alguma absurda criatura que, nos momentos mais impensáveis e inconvenientes, nos provoca prejuízos, frustrações e dificuldades, sem ter absolutamente nada a ganhar com o que fez. Ninguém sabe, percebe ou pode explicar porque é que essa absurda criatura faz o que faz. De facto, não há explicação, ou melhor, há uma única explicação: a pessoa em questão é estúpida.

Esta adaptação do ensaio do economista italiano Carlo M. Cipolla, "As leis fundamentais da estupidez humana", para teatro, não será fruto de cinismo, nem um exercício de derrotismo social. Os momentos que se seguem são, antes, o resultado de um esforço construtivo para investigar, conhecer e, se possível, neutralizar um grupo de indivíduos não organizado - muito mais poderoso que a Máfia ou o Complexo Militar-Industrial -, veículo de uma das mais poderosas e obscuras forças que impedem o crescimento do bem-estar e da felicidade: a Estupidez Humana.
AL-MaSRAH Teatro

A partir do ensaio "Le Leggi Fondamentali delaa Stupidità Umana" de Carlo Maria Cipolla
Dramaturgia e Encenação colectiva
Interpretação: Bruno Martins e Pedro Ramos
Luz, Som e Operação Técnica: Valter Alves
Vídeo: Vasco Lobo

Sem comentários: